Eu só queria deixar tudo para trás de uma vez por todas. Esquecer todas as nossas horas de diálogo, todas as nossas horas rindo de coisas que nós mesmos não entendíamos. Esquecer que um dia nos olhamos no espelho e dizemos “belo casal”. Esquecer que um dia nossos lábios se tocaram. Esquecer que um dia nossos dedos se entrelaçaram e encaixaram perfeitamente. Esquecer que um dia a gente fazia loucuras só pra ficarmos a sós. Esquecer que um dia sorrimos um para o outro e dizemos que ali existia amor. Esquecer que um dia existiu uma história entre nós dois. Porque do adianta lembrar, se a página do livro foi rasgada, amassa e pisada em cima por você?

Rayssa Sobrinho. (via after14)
4 · reblog

Quando eu disse que ia embora, você pediu pra mim ficar, que nós dois resolveríamos os problemas juntos. Mas quando você disse que ia embora, e eu pedi pra ti ficar, você realmente foi, sem ter problema nenhum e assim, você me causou um!

Rayssa Sobrinho. (via after14)
18 · reblog

Você me deixou sem ao menos perguntar se eu saberia viver.

Rayssa Sobrinho. (via after14)
27 · reblog

E quando você me olha com aquela cara de quem quer voltar mas o orgulho é maior?

Rayssa Sobrinho. (via after14)
13 · reblog

Eu praticamente tinha todas as coisas boas que a vida podia oferecer, inclusive você. Mas assim como o verbo conjugado no passado, você também passou a ser!

Rayssa Sobrinho. (via after14)
12 · reblog

Quando eu disse que sentia sua falta, era pra você ficar, não pra ir embora de vez.

Rayssa Sobrinho. (via after14)
6 · reblog

não faço questão nem de trocar de roupa, imagina de falar com você

4 · reblog

Você pensa que pode compreender os sentimentos dos outros. Você pensa que pode ler a mente deles. Você pensa que pode adivinhar o que eles sente. Mas não. Você não pode, você só acha que pode. E nesse achando, é que você se decepciona.

Rayssa Sobrinho. (via after14)
4 · reblog

Quando eu tinha nove anos, ganhei um cachorrinho, ah ele era tão lindo, tão amável. Quando eu chorava, ele era quem fazia o papel de melhor amigo, estando ali do meu lado, só pela companhia. Mas quando fiz doze anos, ele teve de ir para um lugar melhor. Por seguinte, ganhei outro cachorro, lindo e amável também, porem não substituiu a falta e o amor que sentia pelo outro. E assim são com as pessoas também. Nos sempre querendo substituir o lugar de alguém com outro alguém, mas nem sempre o que você sente vai mudar. Talvez você se sinta seguro, por ter alguém do seu lado, mas não quer dizer que substitua a falta que a outra pessoa faz. Ontem, li uma frase que dizia: “Não importa qual seja a tua escolha, porque apesar de termos o livre arbitro, nosso destino já esta escrito.” Fiquei refletindo nesta frase por alguns segundos e parei para pensar que talvez algumas escolhas foram destinadas para que as outras pudessem ser uma nova no nosso futuro distante. Deus nos deu o poder da livre escolha, mas nesse mundo atual, com a sociedade ditando o que devemos fazer e como se comportar, esse poder passou de livre para dependente. É como o amor, a maioria o julga como uma ilusão que nosso coração cria, e talvez nem tenha vivido a experiência de amar, talvez tenha confundido com uma paixão de verão, mas eu te digo, de paixão em paixão, uma hora ou outra, o amor nos encontra e quando é amor querido, não ha escolha ou sociedade que pode acabar com a forca dele. Adolescência, uma puta fase complicada. Juro que preferiria passar dessa fase e pular para a outra, mas as vezes desejo ficar nesta por todo o resto da vida. Não saber o que querer, o que pensar, como agir é algumas das dificuldades que passamos nesta fase. Época de se descobrir, de se apaixonar, de curtir, ou talvez, para aqueles mais “cabeças”, época de pensar no futuro e estar ao lado de quem gosta, se descobrir e curtir a vida ao lado dessa pessoa. Também época de mudar de assunto rápido, de pensar rápido, agir rápido. E como eu andava dizendo, não da para substituir um sentimento por uma pessoa.

Rayssa Sobrinho. (via after14)
9 · reblog

você já me teve na palma da mão, mas hoje você não tem nem a unha que roo

3 · reblog

Only know you love her when you let her go.

Rayssa Sobrinho. (via after14)
4 · reblog

Porque existem coisas que a gente não pode mudar, como o destino e a escolha que ele faz para nós!

Rayssa Sobrinho. (via after14)
2 · reblog

Seu coração não aguenta mais, eu sei. Mas você ainda está ali, ainda está batalhando, para deixar que o passado não invada teu presente e estrague a possibilidade de felicidade do seu futuro!

Rayssa Sobrinho. (via after14)
4 · reblog
mists